translator 翻訳 Переводчик



.
.
.

Existe sol... sobrevoando a tempestade.






Sentindo falta de ti e do que foste meu amor
Será que deixo o meu corpo finalmente adormecer
Caindo voraz num efémero e ilusório torpor
Que acorda a todo instante ou me faz enlouquecer

No meio do medo dessa tempestade sem te ver
mora o receio que a tua porta cerrada não se abra
fico vigilante, segurando a luz até o dia amanhecer
o teu caminho e o teu sorriso não tropece em nada

E velando assim a tua noite, sei que o sol finalmente irá surgir
sinto que há muito fugiste, mas manter-me-ei acordado
Nada dizes, não precisas, pago com lágrimas o preço combinado


Contarei as onda do mar que chegam á minha praia
Cada sorriso conta, cada gesto de agrado teu me fará viver
Aguardo o momento em que voltarás para mim, acontecer
.
.
.

António Gallobar

2 comentários:

Maria Emília disse...

Por detrás das nuvens o Sol continua a brilhar. Se for paciente poderá senti-lo depois da tempestade passar.
Um abraço,
Maria Emília

Lord disse...

Injustiça! Visitem os restos mortais de um blog !
Este blog foi fechado pelo wordpress a mando da poderosa Petrobrás, visitem os restos mortais
http://petrobrasdadosefatos.wordpress.com/
Hoje foi ele amanhã seremos nós!